A “maçã” mais esperada do ano

quarta-feira, 27 de Janeiro de 2010 09:08 Design, Marketing

Lo­go mais, às 15h (ho­rá­rio de Bra­sí­lia), acon­te­ce­rá o tão aguar­da­do lan­ça­men­to do ta­blet da Ap­ple. Nos úl­ti­mos di­as, a im­pren­sa mun­di­al es­pe­ci­a­li­za­da tem es­pe­cu­la­do mui­to so­bre su­as pro­vá­veis fun­ci­o­na­li­da­des e os im­pac­tos que o pro­du­to po­de­rá cau­sar nos mer­ca­dos edi­to­ri­al, de jo­gos e de apli­ca­ti­vos. Além dis­so, co­mo não po­de­ria dei­xar de ser, tam­bém ocor­rem vá­ri­as “su­ges­tões” de no­mes pa­ra o equi­pa­men­to, co­mo iPad ou iS­la­te.


Imagem do novo tablet da Apple

A no­vi­da­de da Ap­ple tam­bém se­gue a for­te ten­dên­cia mun­di­al de por­ta­bi­li­da­de e mul­ti­fun­ci­o­na­li­da­de, co­mo já acon­te­ceu com os te­le­fo­nes ce­lu­la­res. Atu­al­men­te, es­ses equi­pa­men­tos agre­gam, en­tre ou­tros re­cur­sos, câ­me­ras di­gi­tais, players de mú­si­ca e ví­deo, rá­dio, jo­gos e aces­so à in­ter­net, ten­do co­mo des­ta­que má­xi­mo o iPho­ne, da Ap­ple – mais uma vez.

Ape­sar de to­da a ex­pec­ta­ti­va, o con­cei­to des­te dis­po­si­ti­vo mul­ti­fun­ci­o­nal por­tá­til não é re­cen­te. No co­me­ço da dé­ca­da de 80, a pró­pria em­pre­sa de Ste­ve Jobs já te­ve uma ex­pe­ri­ên­cia ao de­sen­vol­ver o Ap­ple Bash­ful em par­ce­ria com a Frog De­sign. Al­guns pro­tó­ti­pos che­ga­ram a ser pro­du­zi­dos – con­fi­ra as fo­tos abai­xo –, mas o pro­du­to nun­ca foi lan­ça­do no mer­ca­do, pro­va­vel­men­te de­vi­do à in­vi­a­bi­li­da­de tec­no­ló­gi­ca ou de pre­ço.

Ago­ra, pa­ra aque­las pes­so­as que se in­ti­tu­lam “Ap­ple ad­dic­ted”, é o mo­men­to de aguar­dar o lan­ça­men­to ofi­ci­al, a che­ga­da do pro­du­to nas “pra­te­lei­ras”, e de­sem­bol­sar uma quan­tia ra­zoá­vel de di­nhei­ro – co­mo de cos­tu­me – pa­ra fa­zer a aqui­si­ção da no­vi­da­de da Ma­çã.

, , , , ,

Faça seu comentário

Utilize o formulário abaixo ou comente via Facebook.

As opiniões expressas nos comentários são de responsabilidade exclusiva de seu(s) autor(es). Os comentários poderão ser apagados caso contenham ofensas, mensagens preconceituosas, de ódio ou que estejam em letras maiúsculas. Não há moderação de opinião, independente do posicionamento. O objetivo é favorecer o debate para que o mesmo seja o mais livre possível, dentro de um mínimo de bom senso. Leia as regras.

Confira alguns trabalhos do nosso Portfólio