Vivo, goodbye

segunda-feira, 8 de dezembro de 2008 09:41 Propaganda

A campanha de Natal da operadora de telefonia celular Vivo, que está sendo veiculada desde o final de novembro, despertou-me a atenção por ter como trilha sonora a canção “Hello, goodbye”, dos Beatles.

É uma música com a melodia suave que, provavelmente, busca o conceito “Vivo ao Seu Lado”, que é difundido pela empresa há algum tempo.

Sugiro que, antes de prosseguir com a leitura, veja o vídeo do comercial:


Comercial "Presente", da Vivo

Agora vamos colocar a cabeça para funcionar um pouco. Quando, “curiosamente”, traduzimos do inglês para o português, o título da música é “Olá, adeus”. Qualquer semelhança entre o significado das interjeições de chamamento “olá” e “oi” são mera coincidência, não? Será que essa mensagem sutil seria direcionada para um dos concorrente da Vivo?

Acredito que essa pode ter sido a intenção do anunciante ou do pessoal de criação da agência Y&R. Porém, se nos atentarmos a produção, o trecho da música que é reproduzido durante o comercial é o seguinte:

You say goodbye and I say hello [...]
Hello hello
I don't know why you say goodbye, I say hello hello.
Hey la, hey hello-a

Ao traduzirmos esse trecho da música, a mensagem é:

Você diz adeus e eu digo olá (oi) [...]
Olá, olá (Oi, oi)
Eu não sei por que você diz adeus, Eu digo olá (oi), OhOhOh OhOhOh OhOhOh OhOhOh Olááá (Oiiiii)
Hey la, hey hello-a

Para fechar a análise, tirei como conclusão pessoal que o tiro pode ter saido pela culatra. Deixo uma pergunta: será que eu estou viajando ao pensar assim ou tem gente por ai com medo e que, no impulso de bater de frente com a concorrência, "está dando revólver na mão de macaco"?

, , , , , , ,

Faça seu comentário

Utilize o formulário abaixo ou comente via Facebook.

As opiniões expressas nos comentários são de responsabilidade exclusiva de seu(s) autor(es). Os comentários poderão ser apagados caso contenham ofensas, mensagens preconceituosas, de ódio ou que estejam em letras maiúsculas. Não há moderação de opinião, independente do posicionamento. O objetivo é favorecer o debate para que o mesmo seja o mais livre possível, dentro de um mínimo de bom senso. Leia as regras.

Confira alguns trabalhos do nosso Portfólio