Para quem gosta de pedalar

quinta-feira, 20 de novembro de 2008 15:14 Etc, Propaganda

Ci­clis­ta por hobby, eu gos­to de pe­gar tri­lhas pa­ra dei­xar o stress do dia-​a-​dia pa­ra trás. Sem­pre que te­nho opor­tu­ni­da­de, pe­go a “ma­gre­la” e si­go, de pre­fe­rên­cia, pa­ra o pri­mei­ro es­tra­dão de ter­ra on­de pos­so ver um pou­co de ver­de, mes­mo que se­ja ape­nas o das plan­ta­ções de cana.

Não sou ex­pert em bi­kes e nem pre­ten­do ser. Po­rém di­go que fiz a es­co­lha cer­ta ao com­prar uma Gary Fisher de 1900 e bo­li­nha de um ami­go. Ape­sar de an­ti­ga, é uma bi­ci­cle­ta le­ve, equi­li­bra­da e re­sis­ten­te, co­mo to­das da mar­ca. Além dis­so, a his­tó­ria do fun­da­dor – que em­pres­ta o seu no­me à mes­ma – é mui­to interessante.

Ago­ra, dei­xan­do o pa­po fu­ra­do de la­do e vol­tan­do ao as­sun­to prin­ci­pal do blog, a mar­ca Gary Fisher tam­bém apre­sen­ta uma co­mu­ni­ca­ção mui­to in­te­li­gen­te, des­po­ja­da e com uma lin­gua­gem sim­ples, co­mo vo­cê po­de con­fe­rir abai­xo no ví­deo de apre­sen­ta­ção da ge­o­me­tria de qua­dros G2.

Comercial dos novos quadros Gary Fisher G2

, , , ,

Faça seu comentário

Utilize o formulário abaixo ou comente via Facebook.

As opiniões expressas nos comentários são de responsabilidade exclusiva de seu(s) autor(es). Os comentários poderão ser apagados caso contenham ofensas, mensagens preconceituosas, de ódio ou que estejam em letras maiúsculas. Não há moderação de opinião, independente do posicionamento. O objetivo é favorecer o debate para que o mesmo seja o mais livre possível, dentro de um mínimo de bom senso. Leia as regras.

Confira alguns trabalhos do nosso Portfólio